Publicações

Home Publicações Notícias

20/01/2017

Entrega dos Veículos aos Municípios CPIMMOC

Entrega dos Veículos aos Municípios CPIMMOC

Arquivos

Não exitem arquivos para este registro.

Últimas Notícias

13/02/2017

RESULTADO LICENCIAMENTO AMBIENTAL 2016

22/11/2016

ATERROS SANITÁRIOS

14/10/2016

PROJETO DO SERVIÇO DE INSPEÇÃO MUNICIPAL DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL (SIM/SISBI/SUASA) PARA 2017

14/10/2016

Reportagem do Consórcio Público no Site MMA

14/10/2016

Reportagem do Consórcio Público no Site MMA

Consórcio Público Meio Oeste entrega veículos para municípios da região
Os 13 veículos zero km são destinadas as ações de implantação e estruturação do Serviço de Inspeção Municipal - SIM/Sisbi/SUASA.



Os prefeitos, secretários de Agricultura e médicos veterinários dos treze municípios de abrangência do Consórcio Público Intermunicipal Multifinalitário Meio Oeste Contestado (CPIMMOC) participaram da solenidade de entrega dos veículos que auxiliarão na implantação/ estruturação dos Serviços de inspeção Municipal, que realiza trabalhos de inspeção e fiscalização de produtos de origem animal. O evento ocorreu nesta sexta-feira (20) na Praça da Catedral em Joaçaba com a presença dos representantes da De Marco Renault que fizeram a entrega técnica.

No fim de 2016 houve a liberação o valor de R$ 400 mil para a compra dos 13 veículos, valor aprovado pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário ainda em dezembro de 2015 e o prazo de vigência do convênio que era até 31 de dezembro 2016. Os recursos para a compra os veículos são oriundos do Proinf/Território da Cidadania por intermédio do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) via convênio com a Caixa Econômica Federal. A contrapartida dos municípios é de pouco mais de R$ 4 mil, já o valor de mercado dos veículos gira em torno de R$ 30 mil. 
Na oportunidade o prefeito de Tangará, que era vice-presidente do Consórcio e assumiu como presidente neste ano, Nadir Baú da Silva, entregou cópias do que será o decreto que regulamentará o SIM para que os veterinários possam ler e dar sugestões. “Esta é mais uma importante ação do Consórcio, bom não só para que as agroindústrias, mas para a famílias que tem nestes empreendimentos fonte de renda e podem comercializar seus produtos de forma legal”, disse. “Já para os municípios ocorrerá um fortalecimento da economia local, através da geração de mais empregos e retorno fiscal. Isso mudará de forma positiva o cenário econômico nas cidades, com um novo sistema que visa atender a produção local para garantir a qualidade e a segurança dos alimentos e também aumentar a produção animal”, disse.


O programa teve início de 2014 com o processo de implantação do SIM para uma adesão futura ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi), integrado ao Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa) dos municípios da região. Conforme Victor Faccin que ocupou o cargo de presidente do CPIMMOC e deu início ao programa, destaca que ele se tornou referência dentro e fora do Estado. “Aderindo ao serviço os estabelecimentos poderão futuramente comercializar seus os produtos em outras cidades com a adesão do SIM ao SISBI. O projeto contará com estrutura física para funcionamento do Serviço – com escritório, veículos e corpo técnico. E o mais importante, independentemente de o município aderir ou não ao Sistema, o Consórcio reestruturou e fortaleceu os Serviços de Inspeção Municipal, e consequente haverá um fortalecimento da agroindústria familiar rural. Além disso, um dos objetivos das nossas prefeituras é de viabilizar empreendimentos que manipulam produtos de origem animal ou que estão na informalidade. Além de fiscalizar e se aproximar dos produtores”. “O Consórcio veio para fazer bem para a região e unir forças”, salientou.


O deputado federal Jorginho Mello, participou da solenidade e foi um importante apoiador do projeto, ajudando na liberação dos recursos. Ele comentou que os prefeitos devem prestar atenção aos projetos desenvolvidos pelo Consórcio. “Parabenizo a toda a equipe do CPIMMOC sem dúvida são projetos bem feitos e fundamentados, por isso consegui lutar pela liberação dos recursos no prazo e os prefeitos devem prestar atenção a isso, pois está trazendo desenvolvimento ao Meio Oeste e servindo de modelo a outras regiões e Estados”, enfatizou.

Ainda durante a solenidade o presidente do CPIMMOC entregou ao deputado federal Jorginho Mello o projeto de implantação de Resíduos Sólidos, um grande desafio para as cidades devido lei aprovada em 2010, quando a coleta seletiva passou a ser obrigatória. O Consórcio pretende desenvolver um projeto consorciado entre os municípios.


Asessoria de imprensa
Paula Patussi